Brincadeiras para as férias das crianças



A paz do Senhor Mulher Virtuosa!
Como vocês sabem, tenho três filhos: A Ingrid com 12 anos, o Daniel, com 07 e a Larissa, com 02 aninhos. E diante do momento das férias (eles não entraram de férias no mesmo período), vi a necessidade de adaptar brincadeiras no nosso dia-a-dia. Até porque, meu filho do meio, o Daniel, sempre me cobra participar das brincadeiras. Em meio às aulas da faculdade, curso de teologia e organização da casa, tento me equilibrar para cuidar de tudo um pouco. 




Pesquisando na internet brincadeiras para ocupar os pequenos nas férias, pude encontrar:
  • Elefantinho colorido: Um participante diz "Elefantinho colorido!". Os outros respondem "Que cor?". Ele fala a cor, e os outros correm para tocar em algo daquele tom antes que o "elefantinho" consiga capturá-los.
  • Mãe da rua: Exige agilidade! Uma criança (a mãe da rua) fica entre dois riscos, distantes 5 metros, e as equipes ficam atrás das linhas. Quem for pego ao cruzar a "rua" é eliminado. Ganha o time que atravessar mais participantes.
  • Corrida de saco: As crianças têm de correr pulando dentro de um saco de batatas vazio. Haja equilíbrio!
  • Vôlei de roda: Não tem peteca? Pegue uma bola para brincar de vôlei. Não vale deixar a bola cair!
  • Acampamento: Que tal juntar todos na sala para dormir? A mudança de rotina já vira a brincadeira. Espalhe os colchões e os cobertores!
  • Brincar de aniversário: "Com minhas meninas, eu fazia o aniversário das bonecas: uma festa que parecia de verdade"
  • Corrida do ovo: Um desafio à coordenação! Cada competidor segura com a boca uma colher com ovo. E tem de vencer a corrida sem deixar cair!
  • Massinha: É uma delícia modelar formas diversas!
  • Dominó: O jogo trabalha conceitos de matemática e estratégia. E toda a família pode jogar. Não se lembra das regras? Dê uma olhadinha neste link: http://abr.io/2Kt
  • Ler: Ler com seu filho estimula a imaginação e raciocínio. Mas nós, Mulheres Virtuosas, sabemos que a leitura principal é a da Palavra de Deus. Estimule seu filho a ler pelo menos um versículo por dia e peça-o para dizer o que entendeu. É uma forma de acostumá-lo a leitura diária e relacionamento com Deus.


As crianças tem energia de sobra e faz parte da natureza delas. Não adianta pedir para ficarem quietos aqueles que são mais ativos. Procure desenvoler atividades que gastem essas energias e que de preferência sejam educativas e usem o raciocínio. Procure também sempre orar antes das brincadeiras para que eles saibam que tudo o que venhamos a fazer temos de dar graças.
"Portanto, quer comais quer bebais, ou façais outra qualquer coisa, fazei tudo para glória de Deus.  
 1 Coríntios 10:31

2 comentários:

  1. muito bom o site, muito útil e abençoado e excelente

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pelo carinho, Cristiana! Deus abençoe a sua vida!

      Excluir

Sejam bem-vindos! Obrigada pela visita!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...